Sexta-feira, 12 de Dezembro de 2008

 ...pra largar essa minha maldita posição de boneca de porcelena e me quebrar. Do jeito mais desesperado descobrir em mim traços de humanidade que nem sei se existem de tão presa que fiquei nesse meu casulo de ternura e fragilidade. Dias como o de hoje deveriam amanhecer com placas avisando que seriam decisivos, que seriam dias de ponto final.

Tudo tá passando de forma tão desesperadora que chego a pedir pra ficar no meio do caminho. Sim, é covardia. Mas é o que me move e me sustenta hoje. É o que me aflige também. Inferno. Vontade de dizer que você me machuca sim e que eu cansei disso. Que você tá um porre nessa sua posição indecisa. Que não suporto mais acreditar e desacreditar em tudo. Que teu ar noir tá me deixando exausta. Chega. Parei. Última vez que perco meu tempo escrevendo sobre você.

 



publicado por Cultivando Pés de Vento... às 13:39 | link do post | comentar | favorito

Parte Desnecessária
Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
27

28
29
30


posts recentes

...

Que música do Los Hermano...

...

'-'

Amor Feinho

Sei...

Se pudesse, esse amor tod...

Finalmente chegou...

...

Se ele ficasse comigo...

arquivos
tags

amor

bom

bruxaria

carpinejar

celta

chocolate

cinema. blogagem coletiva

esquecer de novo!

fofo

guitar hero

los hermanos

marvin gaye

ócio

olhar

preguiça

sexo

signos

wicca

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds